sexta-feira, 4 de abril de 2014

De carro pelos EUA: Las Vegas - NV (parte 8/8)

  O último Pit Stop da viagem foi em Las Vegas e enfim o post ficou pronto rsrs!

  Las Vegas é muito famosa pelos seus cassinos e letreiros luminosos, localizados em sua rua principal, a Las Vegas Blvd





  Repleta de hotéis luxuosos, neles você encontra os famosos cassinos, shoppings, galeria de arte, restaurantes, teatro, ou seja, um mundo de atrações. Tudo o que você desejar fazer em Vegas (ou quase tudo), estará nesta avenida. Como não tivemos muito tempo de explorar os hotéis nesta viagem, falarei apenas sobre os que conhecemos. 

  Na minha opinião, 5 ou 6 dias em Vegas dá pra conhecer muita coisa!


A caminho da Barragem de Hoover

Estado de Nevada

Deserto

  Voltei de Vegas semana passada (29/03) e pretendo em breve fazer outro post sobre o que conheci desta vez :)


  Hotel

  Ficamos hospedados no Bellagio Hotel. Fala sério, que hotel MA-RA-VI-LHO-SO! Não vou nem falar em beleza porque é sacanagem né? Ele é inspirado em Toscana (Itália).

  O atendimento não é 100%, mas vamos combinar né, um hotel com quase 4.000 quartos, fica difícil fazer tudo na mesma hora. Como solicitamos coisas pequenas, a demora do atendimento não foi um grande problema. A limpeza (tanto do quarto, quanto do hotel) é impecável e é tudo muito organizado. 


O charmoso Bellagio

  Ele tem um clima de romance no ar, sabe? Perfeito para lua de mel (na minha opinião). O hall é repleto de flores no teto, o jardim é encantador e além de tudo, ele é muito perfumado <3 

  Pegamos o quarto Resort Room, que por sinal, é um belíssimo quarto. Fiquei sabendo que eles reformaram todos os quartos e posso dizer que está lindo!  Além de ser super espaçoso, o quarto tem tudo o que você precisa: cama ótima, mesa para anotações, poltronas, ferro de passar, duas pias no banheiro, banheira separada do chuveiro, check-out pela TV...

    Ah, não tire nada do frigobar a não ser que você consuma! Muitos hotéis já estão com este sistema, se você tirar algo do lugar, o produto já é cobrado automaticamente.

  Endereço: 3600 S Las Vegas Blvd.


Entrada do hotel

Lobby | check-in

Lobby

Resort Romm


Quarto em tons de verde, bege, marrom e branco



Pias 

Banheira
Delícia de hotel

Uma das milhares de piscinas que o hotel tem

Área das piscinas


  Barragem de Hoover (Hoover Dam)

  Saímos de Anaheim às 10h e chegamos no Hoover Dam por volta das 14h.

  Compramos os ingressos na hora para o tour das 14h30. Antes do passeio, só tivemos tempo de comer um lanche por lá. 

  Para conhecer o Hoover Dam, existem três tipos de tour:

  - Powerplant Tour: 30 min ($ 15 adulto),

  - Hoover Dam Tour: 1h - o tour mais completo ($ 30 - não é permitida a entrada de crianças menores de 8 anos) e

  -  Visitor Center Admission: não tem acesso ao powerplant e nem ao dam tour ($ 10).

  Escolhemos o Hoover Dam, porque ele te dá acesso aos outros dois passeios, além de ser o mais completo. 




  Localizada no Rio Colorado, entre os estados de Nevada e Arizona, a barragem começou a ser construída em 1931 e foi finalizada em 1935. O nome é uma homenagem ao 31° presidente dos EUA, Herbert Hoover, que teve uma participação significativa na construção da represa.

  Com 221 metros de altura e 379 de largura, o enorme arco de concreto tem a função de impedir inundações, além de abastecer a região e gerar energia elétrica. A barragem é considerada o maior projeto dos EUA, devido a imensidão de sua construção para a época. Ao todo, morreram 96 pessoas durante a construção de Hoover Dam.

  Outra coisa impressionante, é a ponte construída sobre o Rio Colorado para acabar com os problemas de congestionamento na área. Sua construção teve início em 2005 e foi aberta para o tráfego em 2010. Os olhos brilham diante de tamanha beleza!





  O Lake Mead é uma atração a parte. Considerado o maior lago artificial dos EUA e idealizado por Elwood Mead, hoje o lago é uma área de recreação nacional, onde os turistas podem nadar e praticar esportes aquáticos.


Lake Mead

 Durante o tour, passamos pela parte interna da hidrelétrica, assistimos um filme de como funciona a barragem e também paramos no Museu da Barragem, que explica absolutamente tudo sobre sua construção.  


Museu

  Endereço: US Higway 93 até Boulder City (sem endereço específico).

  Km: aproximadamente 48 km de Las Vegas.

  Estacionamento: $10.

  Funcionamento: das 9h às 17h.







Arizona | Nevada


  Placa de Las Vegas

  A placa Welcome to Fabulous Las Vegas foi inaugurada em 1959 e criada por Betty Willis. Perto dela há um estacionamento para que os turistas possam parar e tirar suas fotos sossegados. 

  Quem vai para Vegas não pode deixar de passar por lá , afinal, a placa é um marco da cidade.  

  Como chegar: a placa está ao sul do Hotel Mandalay Bay, sentido Las Vegas Premium Outlet (sul).




  Grand Canyon

  Conhecer o Grand Canyon (Arizona) deve ser o sonho de muitas pessoas e também era o meu! 

  Quem nunca viu em um filme hollywoodiano sua paisagem de tirar o fôlego? Com 446 km de extensão e com paredes de quase 2 mil metros de altura, o Grand Canyon é assim, um dos lugares que você tem que conhecer antes de morrer. 

  Considerado uma das Setes Maravilhas do Mundo Natural, foi criado a partir de processos erosivos das águas do Rio Colorado e de outros fenômenos naturais como neve e chuva.


Chegando no Grand Canyon (um pouco de estrada sem asfalto)



Inexplicável...

 Você pode explorar o Grand Canyon a partir de três lugares: 

  North Rim: localizado dentro do Grand Canyon National Park, este é o lugar menos visitado do Canyon, consequentemente, o mais calmo. Devido a fortes nevascas, o North Rim fica fechado de outubro à maio.

  South Rim: também localizado no Grand Canyon National Park, é o ponto mais frequentado pelos turistas. Dizem que a paisagem é uma das melhores, além disso, você pode optar por fazer uma trilha até o Rio Colorado. É um pouco distante de Vegas, a viagem dura aproximadamente 4h30. O South é uma boa opção para quem quer se hospedar no local, que conta com vários hotéis, lojas e restaurantes. 

  West Rim: localizado dentro de uma reserva indígena, é o local mais perto de LV. A viagem dura aproximadamente 2h30, mas também é possível se hospedar por lá. Como nosso objetivo era andar na Skywalk e nossa intenção era voltar para Vegas no mesmo dia, optamos por conhecer este ponto do Canyon.






  Lá no West Rim existem 5 tipos de passeios no solo, 2 de helicóptero, 3 a cavalo e 2 pelo Rio Colorado.

  Escolhemos o passeio via solo mais barato, o Hualapai Legacy, que saiu por $44,05 (com taxas) e claro, pagamos mais $29,95 para ir na Skywalk

  Fomos de ônibus até o Eagle Point, um ponto do Canyon que parece uma águia e no Native American Village,  onde estão expostas "casas" de várias tribos indígenas americanas. 


Eagle Point


1- Hualapai | 2 e 3 - Navajo | 4- Havasupai | 5- Plains | 6- Hopi 

  Depois fomos para o Guano Point, de lá você tem uma bela visão do Canyon pelo Highpoint Hike.


Highpoint Hike

  Não passamos pelo Hualapai Ranch :(  Neste rancho você pode andar de carroça e fazer outras coisas com os cowboys.

  Nas três paradas, você pode visitar outros lugares e conhecer mais coisas, mas infelizmente não conseguimos devido ao cansaço.

  * Almoçamos no Guano Point, falarei sobre a experiência no final do post!




  A Skywalk é uma passarela de vidro em formato de U construída em 2007. Ela está a 21,34 metros adentro do penhasco e a 1.219 metros do chão. 

  Para visitá-la, todos os seus pertences ficam guardados em um armário, não é permitido levar absolutamente nada.

  Ao entrar na passarela, a sensação de olhar para o chão de vidro e ver o rio lá embaixo é de arrepiar! Muitas pessoas estavam morrendo de medo de andar, muitas ficaram de joelhos e outras não largaram as barras. Realmente, a princípio te dá uma insegurança tremenda, mas aos poucos você vai se acostumando. 

  Para ter registrado este momento, estão disponíveis alguns fotógrafos no local. Óbvio que o valor das fotos sai o olho da cara (bem espertos esses índios haha), mas vale a pena. Compramos todas as fotos e mais algumas dentro de um pendrive (sai mais em conta) e como brinde ganhamos duas canetas.

  Sim, o passeio sai um pouco caro (se convertido em R$), mas acredite, vale cada centavo! É uma experiência marcante, inacreditável, incrível e única ^.^ 




Foto dos fotógrafos 
Foto dos fotógrafos
  
  Valor: $88,95 (Hualapai Legacy + Skywalk + almoço).

  Km - West Rim: 197 km de Las Vegas.

  Duração da viagem: +/- 2h30.



  Bellagio Hotel

  Assim como todos os hotéis, o Bellagio também tem suas atrações. Não é porque fiquei hospedada nele, mas achei um dos hotéis mais lindos de Vegas. Seguem algumas dicas do que ver por lá:

  - Fonte: o show da dança das águas com efeitos, luzes e músicas é maravilhoso! Vi a apresentação apenas duas vezes, mas é muito lindo. 

  De seg. à sex., das 15h às 19h (a cada 30') e das 19h à 00h (a cada 15'). De sáb., dom. e feriados, o show começa às 12h.





  - Conservatório e Jardim Botânico: como explicar o aroma delicioso das flores neste jardim de inverno? Bem pertinho da recepção, o Jardim Botânico é feito com tanto amor e carinho, que todos os dias da semana ele está lotado de turistas. A decoração muda de acordo com as estações do ano ou comemorações especiais (como o Ano Novo Chinês).


Primavera :)

  -  Fiori di Como: obra do escultor de vidro Dale Chihuly, o candelabro Fiori di Como é composto por 2.000 flores de vidros localizado no teto do lobby. A explosão de cores impressiona a todos que passam pelo local.     




  - Galeria de Arte: vários tipos de obras ficam expostas nesta galeria. Quando estava lá, o que estava em cartaz eram as esculturas do Richard Macdonald.




  - Fonte de chocolate: a maior fonte de chocolate do mundo (segundo o Guinness) está localizada no Bellagio, mais especificamente no Jean Philippe Patisserie. Dá muuuita vontade de colocar a boca lá e comer chocolate até explodir haha!


Pena que a garrafa deste chocolate é um pouco cara >.<


  - Cassino e Shopping: todos os hotéis possuem pelo menos um cassino e um shop. A decor do cassino do Bellagio é muito fofa e do shopping então? 




  - Cirque du Soliel: o espetáculo em cartaz no Bellagio é o "O". O show parece ser maravilhoso, o "picadeiro" é uma piscina gigantesca! Infelizmente não assisti porque estava fechado :(



  Caesars Palace Hotel

  O Caesars Palace é um hotel que te remete a Roma Antiga. No famoso teatro em formato de Coliseu, se apresentam artistas como Celine Dion, Elton John e Shania Twain.  

  Ele conta com 2.419 quartos e nem todos foram reformados. No Caesars você também encontra discotecas, bares, bons restaurantes, piscinas bem faladas, além de dois shoppings. O mais famoso é o The Forum Shops, que além de ter lojas de grifes famosas, tem o teto pintado como se fosse o céu, para você perder a noção do tempo e passar o dia gastando! Outra atração do hotel é sua escada rolante em formato espiral!  



The Forum Shops (fora)
David de Michelangelo (réplica) | lobby | The Forum Shops | escada rolante | shopping (interior) 


  Paris Hotel

  Entramos rapidamente no Paris, mas o pouco que fiquei lá, deu para perceber que o hotel é uma graça! Não tivemos tempo de subir na Torre Eiffel para admirar a vista de Vegas, mas, na viagem que fiz a pouco, consegui subir e a vista é realmente linda (conto mais no próximo post).

  Na fachada do hotel você encontra a réplica da Torre Eiffel e do Arco do Triunfo. O interior do hotel é bem fofo e você até chega a pensar que está em Paris ^.^



Torre | Balão | Arco do Triunfo | Paris por dentro e por fora


  New York New York Hotel

  Passei pelo New York New York porque queria muito andar de montanha-russa. O interior do hotel tem bem a cara da cidade mesmo, réplicas dos edifícios com as escadas do lado de fora, mercadinhos...

   Roller Coaster: os trilhos da montanha-rusa passam em volta do hotel e a sensação de de ver Vegas láááá de cima é de dar frio na barriga! A maior subida que já vi na vida \0/

  - Fachada: na fachada você encontra a Estátua da Liberdade, o Empire State Biulding, a ponte do Brooklyn e o Crysler Building.  

 - Cirque du Soleil: o espetáculo em cartaz no NY NY é o Zumanity.


Ponte do Brooklyn | Estátua | hotel por dentro e roller coaster

  The Venetian Hotel

  Ai Veneza... dizem que a cidade fede, mas o Venetian de Las Vegas não fede nem um pouco rsrs. Não entrei no hotel, mas a grandiosidade dele é de cair o queixo.

  - Passeio de gôndola: o passeio pode ser feito do lado de fora e do lado de dentro do hotel. Fiquei imaginando durante o passeio ~ que foi curto ~ como seria andar de gôndola em Veneza, deve ser lindo demais! Para completar, a pessoa que conduz a gôndola também canta músicas italianas. Até 4 pessoas, $16.


Gôndolas


  Cirque du Soleil: Zarkana

  Em cartaz no hotel Ária, o Zarkana fala de um circo abandonado que aos poucos volta a ter vida. De todos os espetáculos que já fui do Cirque du Soleil (ao todo 6), o Zarkana é um dos que mais tem acrobacias e malabarismos, é bem completo! O Visual é muito fofo, chega a lembrar os contos de fadas.

  Valor: $108,90 (fileira P).





  Cirque du Soleil: The Beatles Love

  Jamais iria sair da cidade sem assistir ao The Beatles Love. Este espetáculo emocionante e lindo, está em cartaz no hotel The Mirage (perto do Bellagio e do Caesars). O espetáculo toca quase todas as principais músicas do grupo e os números fazem jus a cada uma delas <3

  Valor: $136,40 (fileira F).




  Las Vegas Premium Outlets South
  
  Quem não gosta de comprar? É praticamente impossível ir aos EUA e não dar um pulinho no outlet!

  Em Vegas tem dois outlets conhecidos, o North e o South, conhecemos o Las Vegas Premium South. Claro que não chega nem aos pés do outlet de NY, mas dá pra comprar. O problema é que nem todas as lojas tinham boas opções de compra (não curti nenhum tênis da Nike por exemplo), mas mesmo assim, a diferença de valores é grande e vale a "visita" hehe.

  Endereço: 7400 S Las Vegas Boulevard.



Madrugamos no outlet haha


  CinemaCon

  A CinemaCon é uma feira que acontece anualmente em Las Vegas, mais especificamente no hotel Caesars Palace e é voltada para o mercado cinematográfico. Fui a trabalho (claro), mas deu para aproveitar as coisas boas que a feira proporciona :)


Cinema Brenden | Brincando de bater nos Minions <3 | Cinema Century | Diretor de cinema Michael Bay | Smurfs



  Alimentação


  Planet Hollywood

  Quem me acompanha por aqui sabe que eu tenho uma queda por alguns restaurantes dos EUA e o Planet é um deles. No primeiro post sobre NY falo mais sobre ele (ver aqui). 

  O Planet está localizado no Caesars Palace, no The Forum Shops.



Fachada
Figurinos de filmes e marcas das mãos de dois dos fundadores do restaurante: Stallone e Bruce Willis
Turkey Club: peito de peru, bacon, queijo suíço, alface, tomate e maionese
NY Strip: vagem, carne e batata cozida
Cheesecake 


  Harley Davidson Cafe

  Pra quem curte motos, o Harley Davisdon Cafe é uma ótima parada!

  O restaurante abriu suas portas em 27 de setembro de 1997. Em seu interior, é possível ver algumas motos da marca HD e tem até uma pendurada no teto!

  Pedi um lanche e gostei bastante, o atendimento também é bom. Já o preço é mais ou menos na faixa do Planet Hollywood, por volta de $20.
  
  Endereço: 3725 South Las Vegas Boulevard.


Moto na entrada do restaurante
Pena que as fotos não ficaram boas :(
Chicken Caesar Wrap: frango grelhado, alface, tomate e queijo parmesão


  Almoço no West Rim


  Devo confessar que almoçar no Grand Canyon não foi uma experiência muito bacana! O que salvou foi a vista do lugar.

  Compramos o ticket pro almoço depois dos outros, lá é tipo um bandejão, só que você pega o prato já feito. Acreditem, foi a pior comida que já comi nos EUA! 

  Realmente H.O.R.R.Í.V.E.L! O frango estava cheio de pele e um pouco apimentado, os legumes com um gosto estranho e o purê de batatas estava incomível (se é que esta palavra existe!). Ou seja, gastamos $ na pior refeição de nossas vidas!!!!!!!!! O que deu pra comer foi somente a salada e nem comi toda porque não gosto de pepino :|  Para se ter uma ideia, nem o pão escapou kkkk!


Salada, legumes, frango, purê de batata e pão.
Sobremesa: cookie (esse deu pra comer rsrs)

 

  Outback Stakehouse

  O restaurante temático australiano Outback é bem conhecido pelos brasileiros e tem pelo menos 6 espalhados por LV e vários por todo os EUA!

  A empresa Marcas Bloomin ', Inc. foi fundada em 1988 na Flórida e possui outros restaurantes além do Outback. 

  Pode parecer engraçado, mas não curto muito o restaurante daqui, entretanto, amei a comida do de LV. Os legumes estavam bem cozidos e o salmão bem grelhadinho, só o bolo que estava um pouco enjoativo. 
  
  O Outback que eu fui fica perto do outlet, mas do lado da loja da Coca tem um e tem outro do lado do Cassino Royale (perto do hotel Venetian), ambos na strip. 
  
  Endereço: 7380 S. Las Vegas Blvd.

  Valores: almoço $15,99 e sobremesa $4,99.


Restaurante do lado da loja da Coca-Cola
Restaurante perto do Cassino Royale | Fotos do Outback que eu fui 
Perfectly Grilled Salmon: salmão grelhado e legumes
Carrot Cake: bolo de cenoura com coco e nozes, coberto com queijo doce de confeiteiro e creme de baunilha 


  Jean Philippe Patisserie

  Dentro do Bellagio (e do Ária também) tem um lugar delícia para tomar café: o Jean Philippe Patisserie.

  A primeira patisserie em Las Vegas do chef francês ganhador de muitos prêmios, foi a do Bellagio e em 2009 o Jean Philippe abriu outra filial no hotel Ária. Agora tudo é produzido no Ária e levado para o Bellagio. 

  Além de doces maravilhosos, pães e chocolates, a equipe ~ de 110 funcionários ~ de JP também faz bolos lindos e exclusivos!

  Tomei café da manhã muitas vezes lá e o preço é bem camarada :)

  

Brownie (sou mais o do Starbucks) e chocolate quente
Cookie e chocolate quente



  Central Michel Richard


  Um dia paramos para comer no Central Michel Richard, localizado no lobby do Caesars Palace.

  A sede do restaurante que abriu em janeiro de 2007, fica em Washington D.C e o nome Central, se dá pela localização do mesmo, bem no centro de D.C, entre a Casa Branca e o Capitólio.

  Claro que não demos nada pelo restaurante até fazermos o pedido. O local é bem frequentado, pois tem opção de refeições, lanches e drinks.

  Pedimos um hambúrguer com porção de fritas. Muito gostoso e quase morri quando vi as batatas super crocantes dentro de uma redinha! Gostei muito de lá ;)

Classic burger com cheese e fritas



  Lanche no Hoover Dam

  Como chegamos 30' antes do horário do tour, resolvemos comer algo por lá.

  No Hoover Dam tem uma lanchonete bem simples que vende lanches (claro bobinha) e suvenires. Como nosso tempo era curto, pedimos o lanche mais simples de se fazer na face da terra: o cheeseburger!

  Simples, porém gostoso! Não lembro o valor, mas foi bem baratinho ^.^
  
Lanchonete lá longe! Food and gifts

Cheeseburger com fritas


  Nos despedimos da cidade na sexta às 10h, nosso voo estava marcado para às 13h15. Chegamos em Dallas às 18h05 e voamos para SP às 19h50. Chegamos em Sampa às 8h20 do sábado, não tão cansados porque voltamos na classe Executiva ^.^ 


  Aeroporto de Las Vegas: Mc Carran - LAS.
  Aeroporto de Dallas: Dallas FT Worth - DFW.


  Dicas: leve rinosoro, colírio e protetor labial e não saia sem creme hidratante e protetor solar. Ah e vá se preparando para levar alguns choques leves durante sua estadia em Vegas >.< Devido a falta de umidade, o tempo seco do deserto causa energia estática!


Las Vegas <3

 
Claro que ainda há muuuuito o que fazer em Vegas e eu espero de verdade, fazer outro post o mais rápido possível sobre a viagem da semana passada!

 
Espero que tenham gostado da série de posts sobre esta viagem de carro pela Califórnia e Nevada!



  Informações:

  DDI: 1
  Código: 702


  Até mais!!!

  
  Thais

Nenhum comentário:

Postar um comentário