terça-feira, 22 de outubro de 2013

Um passeio por Embu das Artes - SP

  Gente,

  existem cidadezinhas bem interessantes de se visitar por aí, por isso, vou falar um pouco sobre um lugar que muita gente gosta: Embu das Artes.

  Embu está localizada na microrregião de Itapecerica da Serra, região metropolitana de SP e fica apenas à 31 km da capital.




Ladeirinha de Embu


Coreto: 2005

Coreto: 2011


  Dá para conhecer a cidade em um dia, visitar os museus, as feirinhas, as igrejas. É um passeio bem gostoso de se fazer com os amigos, com a família, com o namorado (a), marido (esposa) ou até mesmo sozinha (o).

  Mulheres que adoram biju se encantam com o centrinho, além de artesanato em geral, você também encontra empórios que vendem doces, pães; adegas com  vinhos deliciosos; quadros; artigos de decoração para quartos de bebes; entre outras coisas ^.^




  As duas vezes que fui pra Embu, peguei um ônibus executivo - Itapecerica da Serra - no terminal de ônibus Tietê (do lado de fora, na Av. Cruzeiro do Sul, sentido bairro), desci bem pertinho do Museu de Artes Sacra dos Jesuítas (só subi a ladeirinha). A viagem durou aproximadamente 45 minutos.

  Vou falar um pouco sobre alguns dos pontos turísticos que visitei em Embu.




  Museu de Artes Sacra dos Jesuítas

  Adoro visitar igrejas, cada uma tem seu estilo, sua arquitetura e sua história. 

  Os espaços do museu são um pouco escuros, parece igreja de interior. Infelizmente não é permitido tirar fotos no local. 

  O museu contém muitas peças entalhadas em madeiras, como imagens de anjos e santos e seu acervo conta com mais ou menos 400 peças. 

  Antigamente, lá funcionava a Igreja Nossa Senhora do Rosário e também era casa dos padres Jesuítas. O museu foi reaberto em 2005.

  O prédio é tombado como Patrimônio Histórico Nacional devido sua arquitetura barroco paulista, datado da virada do século XVII para o XVIII.

  Endereço: Largo dos Jesuítas, 67 - Centro Histórico.

  Valor: R$ 3,00 inteira e R$ 1,50 meia entrada (estudantes e professores), grátis para aposentados, idosos e crianças até 7 anos.

  Funcionamento: terça à domingo, das 9h às 12h e das 13h às 17h. Visitas monitoradas acontecem aos domingos e devem ser agendadas pelo telefone: 4704-2654 (com 15 dias de antecedência).


Entrada do museu




  Capela São Lazaro

  A capela foi construída em 1934, mas em 1969 foi estilizada. Dentro, há duas imagens: uma de São Lazaro, feita pelo artista Cássio M'Boy e a outra de Cristo, entalhada pelo artista Zé Santeiro.

  Endereço: entre a Rua da Matriz e a Rua Nossa Senhora do Rosário.

  Funcionamento: sábado, domingo e feriados, das 9h às 17h e de segunda à sexta é necessário agendamento pelo telefone: 4704-6565.






Altar da capela

Sino na lateral da capela





  Museu do Índio 

  

  Bem pertinho da Capela São Lazaro, o museu foi planejado por Walde-Mar de Andrade e Silva (pesquisador da cultura indígena, escritor e artista plástico). O espaço está todo relacionado ao universo indígena, seu acervo contém peças de artesanato: como cestas e bolsas; flechas; cocares; pinturas; árvore de Urucu entre outros coisitas.

  O museu é bem completinho, além de expor os objetos da cultura indígena, o museu também é um espaço para pesquisa e debate dos vários grupos étnicos indígenas, seus costumes, línguas, arte, rituais, idiomas...

  Endereço: Rua da Matriz, 54 - centro.

  Valor: R$ 3,00 (menores de 7 anos e maiores de 60 anos não pagam).

  Funcionamento: terça à domingo, das 10h às 18h (visita monitorada necessita de agendamento pelo telefone: 4704-3278).




Flechas




Urucu
  
  Paróquia Nossa Senhora do Rosário

  Passei bem rapidinho na paróquia, porque fica na rua do Museu do Índio, bem em frente. Fiz apenas algumas fotos.

Endereço: Rua da Matriz, 53  






Estação da Via Sacra

  Centro Cultural Mestre Assis de Embu

  O centro cultural está dividido em três espaços, onde ocorrem exposições temporárias. O local também conta com um auditório com capacidade para receber 150 pessoas.

  Endereço: Largo 21 de Abril, 29 - Centro.

  Entrada: gratuita.

  Funcionamento: todos os dias, das 9h às 18h (em dias de shows, fecha mais tarde).







  Memorial Sakai

  Tadakiyo Sakai é um dos maiores terracotistas do Brasil. O memorial foi inaugurado em 2003 e possui cerca de 20 obras de Sakai.

  Além da exposição permanente, o local também oferece cursos, palestras e oficinas gratuitas, além de ser uma escola de terracota.

  Para se chegar ao memorial, partindo do Centro Cultural, leva um tempinho. Caminha-se mais ou menos uns 15 minutos e o pior de tudo é subir o escadão assassino!!! rsrs.

  Um pouco antes de chegar no memorial, encontra-se o Cruzeiro da Paz :)

  Endereço: Rua Rabelo Gonzáles, 185 - Vila Cercado Grande.

  Entrada: gratuita.

  Funcionamento: de terça à domingo, das 9h às 17h.






Cruzeiro da Paz


Pequena escadaria para chegar até o memorial


  Feirinha de Artesanato

  A feirinha de artesanato acontece em algumas ruas, como a Rua da Matriz, Rua Nossa Senhora do Rosário, Largo 21 de Abril (venda de quadros) e Largo dos Jesuítas.

  Nem preciso dizer que fiquei louca para comprar tudo! Como havia falado no começo do post, na feirinha vende de tudo, de flores à móveis. Vale a pena dar uma passadinha lá as mamães de plantão, pois decoração para quarto de bebê tem de monte e é tudo muito lindinho ^.^

  Funcionamento: sábado, domingo e feriados (domingo é mais movimentado).




Docinho de uma barraca de rua que vende pães e doces

2005

  Para finalizar o passeio, almocei no Restaurante Bontempero, localizado na Rua da Matriz, 42. O preço é muito bom e a comida também. O restaurante é por quilo e o local é agradável, dá pra comer bem por pouco.

  Espero que tenham gostado das dicas!

  
  Informações:
  DDD: 11
  Km: 31 km de SP
  Duração da viagem: +/- 45 minutos

 

  Até mais!!!



  Thais

Nenhum comentário:

Postar um comentário